Quinta-feira, 24 de Maio de 2007

Engenharia Geografica

A engenharia geográfica tem como principal objectivo determinar com rigor, a forma, a dimensão, o campo gravítico e os movimentos relativos da Terra, tendo em vista a representação da respectiva superfície em forma de carta. Assim, os engenheiros geógrafos projectam as operações e coordenam a sua execução, com vista à obtenção de dados que tratam e analisam de forma a construir a cartografia de base para apoio aos mais variados trabalhos que competem a profissionais de muitos sectores de actividade: ambiente, construção civil, transportes, agricultura, etc.

Esta profissão abrange três áreas de actuação fundamentais: a definição de sistemas de referência e de coordenadas, a determinação de posição e a produção de informação geo-referenciada.

Assim sendo, os engenheiros geógrafos concebem, preparam e supervisionam trabalhos nas seguintes áreas técnico-científicas:

- Geodesia: fazem o estabelecimento de data geodésicos, constroem redes geodésicas, executam medições de alta precisão que são aplicadas à geodinâmica e ao controlo de grandes estruturas, caracterizam o campo gravítico terrestre;

- Topografia: realizam levantamentos topográficos e cadastrais, implantam e monitorizam obras de engenharia;

- Fotogrametria e Detecção Remota: produzem cartografia e informação geo-referenciada baseada na utilização de câmaras fotográficas e de sensores instalados em plataformas aéreas ou orbitais; realizam medições baseadas em câmaras fotográficas ou sensores operados sobre a superfície terrestre para levantamento geométrico ou monitorização de construções;

- Cartografia: elaboram produtos cartográficos de propósito genérico;

- Ciências de Informação Geográfica: procedem à aquisição, estruturação e exploração de dados no contexto de Sistemas de Informação Geográfica e implementam serviços baseados em posição.

Estes profissionais podem, ainda, exercer funções noutras áreas, como:

·         Metrologia de alta precisão em laboratórios;

·         Oficinas ou linhas de produção;

·         Apoio à construção de grandes obras de engenharia (pontes, barragens, auto-estradas, linhas férreas, etc.);

·         Apoio à gestão de recursos naturais e ordenamento de território (agricultura, geologia, florestas, ambiente, etc.);

·         Gestão de navegação e controlo de tráfego.

 

A profissão de engenheiro geógrafo surge, em Portugal, na sequência dos trabalhos cartográficos em África, realizados no final do século XIX e no início do século XX, nos quais se destacou o Almirante Gago Coutinho, o promotor da criação de um curso destinado a formar engenheiros especificamente para estas actividades. O engenheiro geógrafo surge assim com um perfil de explorador cartógrafo, dominando ciências como a astronomia e os aspectos de engenharia na operação de equipamento, ao mesmo tempo que devia ter a robustez e a autonomia requerida para o trabalho em condições agrestes.

 

Formação e Evolução na Carreira

Ingresso: 12º Ano

Grau: Licenciatura

Esta licenciatura inclui, nos primeiros anos, uma sólida formação de base em domínios como matemática, física, e informática. Nos anos subsequentes, inclui um  conjunto de disciplinas de especialidade como geodesia, cartografia, fotogrametria, topografia, detecção remota, hidrografia e sistemas de informação geográfica.

Emprego

Estes profissionais podem desempenhar funções em:

·         Empresas de prestação de serviços de cartografia, de topografia e de informação geográfica;

·         Instituições e empresas de infra-estruturas de utilidade pública, nos ramos das águas, gás, electricidade, transportes e telecomunicações;

·        Institutos públicos de produção de informação geográfica;

·        Institutos públicos com actividade na gestão do território e dos recursos naturais;

·        Administração regional e local;

·        Empresas de projectos de construção no domínio da engenharia civil;

·        Estabelecimentos de ensino superior e unidades de investigação.

 

Atendendo à crescente procura de serviços associados aos sistemas de informação geográfica, o trabalho por conta própria e a criação de empresas são já uma realidade.

Actualmente, o mercado de trabalho não se encontra saturado, sendo Lisboa a zona do país onde a procura de engenheiros geógrafos é maior. Mas há também procura noutras zonas do país, sobretudo nos centros urbanos.  

 

Condições de Trabalho

No que respeita à carga horária, esta é, em termos gerais, de 35 horas semanais no sector público e de 40 no sector privado, apesar de poderem existir cargas superiores quando se tem flexibilidade de horário. Esta flexibilidade está na maior parte das vezes relacionada com as idas ao campo e com a eventual necessidade de realizar trabalho nocturno.

   

Remunerações

 

Escalões

1

2

3

4

Assessor principal

2.203,34€

2.389,54€

2.575,74€

2.792,97€

Assessor

1.893,01€

2.048,18€

2.141,28€

2.265,41€

Técnico superior principal

1.582,68€

1.737,85€

1.830,95€

2.017,15€

Técnico superior 1ªclasse

1.427,52€

1.474,07€

1.551,65€

1.691,30€

Técnico superior 2ªclasse

1.241,32€

1.287,87€

1.349,94€

1.412,00€

Estagiário

962,02€

-

-

-

 

Perspectivas

A engenharia geográfica é uma profissão com bons níveis de empregabilidade, pois as situações de desemprego são raras e, em geral, de curta duração. Frequentemente, os alunos iniciam actividade ainda durante o curso ou têm tempos de espera muito reduzidos após a conclusão da licenciatura. Podem existir algumas assimetrias regionais na oferta de emprego mas que não afectam simultaneamente todas as formas de exercício da profissão. Em geral, nas zonas onde a oferta de emprego é baixa, a criação de empresas ou o exercício de actividade por conta própria apresentam condições de desenvolvimento promissoras.

publicado por marisacplima às 11:07

link do post | comentar | favorito
|

.posts recentes

. ...

. Escola Secundária Francis...

. ...

. Como surgiu este blog?

. Testes de Orientação Voca...

. Processo ERASMUS

. Processo de Bolonha

. Concurso Nacional de Aces...

. Acesso às Universidades E...

. Entrevistas

. Entrevista a um Profissio...

. Entrevista a um Profissio...

. Entrevista com um Profiss...

. Entrevista com um Profiss...

. Cursos/Universidades

. Ortoprotesia

. Psicologia

. Medicina

. Geologia

. Fisioterapia

. Fitoquímica e Fitofarmaco...

. Técnico De Radiologia

. Terapia Ocupacional

. Técnico de Prótese Dentár...

. Técnico de Análises Clíni...

. Anatomia Patológica, Cito...

. Arqueologia

. Astronomia

. Biólogo

. Técnico de Cardiopneumolo...

. Engenharia do Ambiente

. Enfermagem

. Engenharia Geografica

. Engenheiro Aeronáutico

. Engenheiro Agrónomo

. Engenheiro Biomédico

. Engenharia Civil

. Farmacêutico

. Medicina Dentária

. Medicina Nuclear

. Medicina Veterinária

. Meteorologia

. Neurofisiologia

. Nutricionismo

. Oceanografia

. Optometria e Ciencias da ...

. Química e Bioquímica

. Técnico de Radioterapia

. Técnico de Farmácia

. Terapêutica da fala

.pesquisar

 

.Maio 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
22
25
26
27
28
29
31

.informação de autores

.arquivos

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds